SUSCETIBILIDADE ANTIMICROBIANA DE CEPAS DE STAPHYLOCOCCUS COAGULASEPOSITIVAS ISOLADOS DE LEITE BOVINO MASTITICO.

I. CORRÊA, M. G. P. CORREA, J. M. MARIN

Abstract


Um total de 95 cepas de Staphylococcus coagulase-positivas foi isolado de 635 amostras de leite mastítico provenientes de 72 fazendas de leite. Estas cepas foram caracterizadas em relação à resistência a 15 drogas antimicrobianas. Entre as cepas obtidas, a resistência à sulfonamida foi a mais freqüente (80,2%), seguida pela resistência à ampicilina (78,9%), à penicilina (77,8%) e à lincomicina (71,5%). Cepas apresentando resistência múltipla foram extremamente comuns e praticamente todas as cepas mostraram resistência a duas ou mais drogas, sendo que somente uma cepa apresentou resistência a uma única droga. Esses resultados são provavelmente uma conseqüência da pressão devido ao uso intensivo de drogas antimicrobianas.
PALAVRAS-CHAVE: Staphylococcus Coagulase-positivos. Mastite. Resistência múltipla. Antibiótico.



DOI: http://dx.doi.org/10.15361/2175-0106.2005v21n1p69-76